Como Colocar a Sua Automação de Testes no CI/CD – GitLab

Você sabia que pode colocar a sua automação de testes para executar em uma pipeline e assim executá-los sempre que houver uma nova Merge Request?

Uma vez que os testes são mais lentos se realizados na nossa máquina local, no pior dos casos, pode até acontecer que a automação fique dependente de uma execução manual.

Ao criar um repositório no Gitlab e colocar os testes em uma pipeline, a cada vez que ocorrer um Merge Request são executados os testes, dos quais iremos receber feedback. Tudo isso sem comprometer a velocidade e trazendo maior qualidade à entrega.


Que é o GitLab?

GitLab é uma plataforma Git e DevOps baseada em nuvem que ajuda os desenvolvedores a monitorar, versionar, testar e implantar seu código.

Um repositório de Git de nuvem costumava ser o principal ponto de venda do GitLab. Mas a plataforma evoluiu além de suas origens simples. Hoje, GitLab oferece uma ampla gama de recursos DevOps, como integração contínua, segurança, e até mesmo ferramentas de implantação de aplicativos.

Caso queira saber mais sobre o Git, este artigo pode ser útil.

img-3

Como Criar o Repositório e Colocar na Pipeline do Seu GitLab?!

1. Precisamos Criar o Seu Projeto de Automação de Teste em um Repositório Dentro do GitLab

a. Logado no GitLab, vamos a opção New Project e clicamos em Create a blank project.

img-5

b. Preenchemos com o nome do nosso projeto e clicamos em Create project.

img-7

c. Pronto seu repositório foi criado com sucesso!

img-9

2. Efetuar o Clone do Repositório

a. Clicar no botão azul clone e em seguida no opção copiar do endereço HTTPS.

img-11

b. Ir ao Prompt de Comando dentro da pasta desejada e efetuar o clone com o comando: git clone + o endereço copiado, como na imagem abaixo. 

img-13

c. Após executar o clone, seu repositório está na sua máquina local para poder criar sua automação de teste.                  

img-15

3. Efetuar o PUSH do Seu Código para o Repositório

a. Após criar sua automação do seu teste, você deve efetuar o Push do seu código para o repositório.

img-17

b. Após o Push seu repositório estará no GitLab como no exemplo abaixo:

img-19

4. Configurar GitLab-ci

a. Você deve criar o arquivo GitLab-ci.yml na raiz do seu projeto localmente, como na imagem abaixo:

img-21

5. Efetuar um Push Para Verificar a Execução da Pipeline

img-23

6. Verificar no Console as Execuções

img-25

7. Baixar os Artefatos para Ter o Report dos Testes

img-27


Como Colocar a Sua Automação de Testes no CI/CD – GitLab: Considerações Finais

Seguindo todos os passos que descrevi ao longo do artigo, teremos nossos testes automatizados rodando na pipeline do GitLab CI/CD e assim, termos sempre os testes rodando após qualquer novo Merge Request, ganhando agilidade e testes constantes, garantindo a qualidade na entrega de novas versões da aplicação.

O GitLab tem outras funcionalidades interessantes a serem abordadas, por exemplo, executar nossa pipeline através de outra pipeline com uma trigger, recomendo fortemente que deem uma olhada no site do Gitlab, já mencionado no artigo, para maior conhecimento.

Espero que tenha gostado e fico à disposição para qualquer dúvida nos comentários.